Termos e Condições

Cada "Kit Se Cuida" contém 01 (um) canudo de metal e 01 (um) snack, que será distribuído gratuitamente aos usuários cadastrados.

O Kit estará disponível para retirada até o dia 31 de maio de 2019, no horário das 9h às 17h, na sede administrativa da Unimed Blumenau, localizada na rua das Missões, nº 455, bairro Ponta Aguda, Blumenau (SC).

Válido apenas 01 (um) Kit por CPF cadastrado.
Somente o portador do CPF cadastrado poderá retirar o Kit.
É proibida a comercialização e/ou venda do Kit.
fechar
menu mobile

Hábitos saudáveis podem prolongar a fertilidade da mulher

Hábitos saudáveis podem prolongar a fertilidade da mulher
Muito se fala sobre empoderamento feminino e as conquistas das mulheres em todos os setores, incluindo o momento e a forma de realizar o planejamento familiar. Por conta disso, é cada vez maior o número de mulheres que optam por buscar independência financeira, com foco em suas carreiras e realizações pessoais. Estudos apontam que nas últimas décadas, a escolha pela maternidade tem sido adiada para cada vez mais tarde.

Em perspectivas biológicas, a fertilidade feminina começa a cair por volta dos 25 anos e tem declínio importante depois dos 35 anos. Engravidar fora desse período aumenta as chances de riscos, principalmente em idade avançada. A faixa etária mais indicada para engravidar é entre os 20 e 30 anos, período em que a mulher tem óvulos de maior qualidade e em maior número. Além disso, nesta idade também há menores chances de complicações, já que o corpo tem maior facilidade para se adaptar às alterações da gravidez.

Existem alternativas para adiar a o sonho de ser mãe, como o congelamento de óvulos, por exemplo, mas ainda assim, o processo nem sempre é simples e não há garantia do resultado esperado. É por isso que cuidar da fertilidade com hábitos saudáveis e acompanhamento médico regular, são fatores importantes para quem quer ter filhos.

Manter uma vida equilibrada, com alimentação balanceada aliada a exercícios físicos, por exemplo, são alguns dos cuidados que podem fazer toda diferença para mulheres que pensam em engravidar.

Controle de peso

Distúrbios de peso, na mulher, podem ocasionar alterações nos hormônios imprescindíveis para que a gestação ocorra. O sobrepeso interfere ainda nos ciclos menstruais, podendo inibir a ovulação e a menstruação. Além do prejuízo hormonal, alterações de peso podem causar problemas psicológicos como queda na autoestima e do desejo sexual.

Não fumar

Mesmo não sendo uma causa direta de infertilidade, o cigarro pode atrapalhar a produção dos óvulos e é responsável por 13% dos casos de infertilidade feminina. Fumar dificulta a produção de estrógeno (hormônio sexual feminino), interfere no desenvolvimento dos óvulos, favorece a formação de óvulos com alterações genéticas, aumenta a probabilidade de aborto espontâneo, podendo ainda antecipar a menopausa.

Evitar a ingestão de álcool

O consumo de bebida alcoólica pode comprometer a fertilidade da mulher e resulta em um inadequado funcionamento dos ovários com consequente irregularidade do ciclo menstrual. Além disso, consumir álcool, principalmente na gestação, pode aumentar o risco de aborto espontâneo. 

Atenção para o estresse

Distúrbios do sono, por exemplo, decorrentes do estresse alteram o ritmo biológico da mulher, prejudicando a produção de hormônios envolvidos na reprodução e na fertilidade. O Estresse causa distúrbios hormonais que interferem no processo de desenvolvimento dos óvulos, acarreta disfunções nos ciclos menstruais - diminuindo a ovulação, reduz a imunidade, e também pode reduzir a libido.  

Estar atenta ao próprio corpo e emoções, é o primeiro passo para uma vida mais equilibrada, assim como manter hábitos de vida saudáveis. Todas as mulheres são impactadas pelo envelhecimento no que se refere à fertilidade, mas boas escolhas ao longo da vida podem aumentar a capacidade reprodutiva, além de serem ótimas aliadas para uma gestação saudável.

Compartilhe: